Sinto-me menos em perigo fotografando animais selvagens do que vivendo com pessoas civilizadas

07/11/2016 - 01h40min - Por
COMPARTILHE
FACEBOOK Twitter

Laurent Baheux uniu o seu amor pela profissão e pelos animais selvagens. O fotógrafo nasceu em 1970 em Poitiers na França.  Começou sua carreira como editor e jornalista, com o tempo descobriu seu amor pela fotografia, onde passou seu tempo cobrindo eventos esportivos. Em 2002, teve uma oportunidade de registrar imagens de animais selvagens na Tanzânia, onde estava de passagem, desde então não parou mais.

Laurent passa grande parte de seus dias na África, documentando em fotografias em preto e branco, todos os tipos de animais selvagens. Já viajou para Botsuana, Quênia, África do Sul e Namíbia fotografando. Ele trabalha com câmeras Nikon e lentes NIKON fazendo fotografias sempre cheias de vida e encanto. O fotográfo é também um ativista para as organizações ambientais, tais como WWF e a Fundação GoodPlanet. Suas fotografias são expostas em galerias francesas e pelo mundo todo.

Via Sereia de Algodão

Imagens: Laurent Baheux

Outras Notícias
© 2016 Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Ydeal Tecnologia