Como funciona o processo de revelação do filme negativo (P&B)?

14/09/2016 - 02h01min - Por
COMPARTILHE
FACEBOOK Twitter

Se você vem acompanhando nossas postagens, certamente deve ter lido algumas curiosidades sobre a fotografia analógica, aquela em que usávamos filme fotográfico, você se lembra?

Mas, quando seu filme terminava você levava até algum laboratório para que ele fosse revelado, porém muita gente não sabe é como esse processo ocorre, e o mais divertido é que você pode ter seu próprio laboratório até no banheiro de casa, quer saber como funciona? Vem com a gente...


Revelar filme fotográfico é um processo delicado e preciso, o local deve ser completamente escuro, qualquer fonte de luz indesejada pode acabar com todo o seu trabalho!

Todo mundo já deve ter visto na televisão os famosos laboratórios iluminados com luz vermelha, mas o que poucos sabem é que o filme fotográfico é sensível inclusive ao comprimento de onda vermelha, na realidade ela serve para auxiliar no processo de revelação do papel, que iremos explicar futuramente. Você deve estar se perguntando, o que fazer então? A resposta é, trabalhar no escuro total!

Iremos explicar ao mesmo como proceder de forma correta e quais materiais utilizar.

Para começar, no escuro, encaixe a ponta do filme que está para fora da bobina no espiral do tanque, enquanto você retira o filme da bobina enrole ele no espiral como no exemplo abaixo:


Quando o filme trancar/acabar você pode cortá-lo rente a bobina. Encaixe o espiral no tanque, enrosque a tampa e verifique se está bem fechado. A partir deste momento já é possível acender as luzes, pois o tanque blinda sua entrada.

Os químicos utilizados no processo devem estar entre 18 e 24°c, sendo 20°c a temperatura ideal.

Retire a tampa superior (vermelha ilustrada abaixo, ela permite a entrada e saída de líquido), despeje 450ml do químico revelador (pode ser D76).


Agite o tanque delicadamente por 8 minutos, dê leves batidas com o mesmo em uma toalha sobre a bancada para que as bolhas se desprendam da parede do filme.

Após o tempo acabar, despeje o líquido em algum recipiente, insira 450ml de químico interruptor (ácido acético / água), agite com cuidado por 1 minuto e meio. Despeje este líquido.

Insira 450ml de químico fixador e agite por mais 8 minutos, despeje.

Após estes processos o filme já pode receber luz pois já foi revelado, porém ainda é necessário realizar a lavagem final, que pode ser feita com água e detergente secante (foto Flu / Aspergol - para evitar manchas e bolhas)) em uma bandeja com água corrente, por no mínimo 5 minutos.


Assim que todos estes passos tenham sido realizados o filme pode ser desenrolado do espiral, utilizar um rodo delicado ou os dedos (com luva) para retirar o excesso de água. Nos laboratórios deixamos o filme secar na estufa com temperatura em torno dos 40°c.

Importante: não coloque o dedo diretamente no filme, principalmente no lado da emulsão, pois a gordura e suas digitais podem estraga-lo! Sempre que possível utilize luvas, e mesmo assim segure sempre pela lateral. Não despeje os químicos diretamente na pia, faça o descarte correto e ecológico, todo cuidado é pouco, não nos responsabilizamos por quaisquer acidentes que venham a ocorrer.

Revelar filme é uma tarefa incrível, ficar na expectativa para ver o resultado é melhor ainda, mas esteja preparado pois erros acontecem, problemas durante a revelação existem e infelizmente o filme será perdido. Neste tutorial o procedimento é realizado em filmes preto e branco, já em filmes coloridos o processo ocorre em mais etapas, com mais tipos de químicos.

Ainda falta uma parte essencial, você não se perguntou como a imagem sai do negativo para o papel? Continue acompanhando que te contamos em breve!

Texto: Gabriel Camillo Fotografia.

Outras Notícias
© 2016 Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Ydeal Tecnologia