Dicas Sobre a Fotografia Newborn – Para Iniciantes

25/11/2016 - 16h00min - Por
COMPARTILHE
FACEBOOK Twitter

Conheci a fotografia newborn, em uma palestra ministrada pela fotógrafa Rita Rodrigues, a cerca de três anos. Me apaixonei perdidamente e descobri o que queria fazer, dentro da fotografia, pelo resto da minha vida.

Na minha opinião, a paixão é a base para o sucesso daquilo que se faz. Tudo que é feito por amor e com dedicação, tem tudo para dar certo.Muitos fotógrafos estão buscando informações, para ingressar neste mercado. Muitos enxergam nesta área da fotografia, uma grande oportunidade.

A questão aqui é: destes muitos que ingressam na fotografia newborn, quantos permanecem e prosperam? Quantos fotógrafos e “fotógrafos” estão nesta área por amor e com dedicação?

Entendam por dedicação, a busca pelo conhecimento da fotografia (geral), do funcionamento da anatomia e fisiologia do recém-nascido e das especificidades da fotografia newborn, a correta aplicação das técnicas e principalmente, e acima de tudo, os cuidados e a segurança do recém-nascido.

Temos  por finalidade, trazer um pouco de conhecimento, para quem tem paixão pela fotografia newborn e acima de tudo, busca o conhecimento necessário para fazer a fotografia newborn responsável.

Você, meu amigo, tem nas mãos um serzinho frágil, que acabou de chegar ao mundo. Ele não tem muitas defesas, saiu a pouco de um ambiente perfeito, confortável e seguro e agora está nas suas mãos. Respeite-o acima de tudo.

Cuidados Básicos na fotografia newborn

A principal questão na fotografia newborn é a segurança do recém-nascido. Tudo deve ser feito da forma do conforto e segurança ao bebê.

O estúdio, ou local onde for realizada a sessão, deve ser higienizado, assim como todos os acessórios e props utilizados. Cuide também de seu higiene pessoal. Mãos higienizadas com álcool em gel, unhas cortadas e cabelos presos.

A temperatura do ambiente deve ser controlada, entre 28 e 30 graus. Sempre que o bebê mostrar frio ou calor, esta temperatura deverá ser regulada. Tenha um aquecedor, um umidificador de ar e um termômetro, em seu local de trabalho.

Os cestos e props devem ser feitos de materiais seguros para o bebê. Nunca use vidro ou cerâmica. Procure usar cestos de bases largas, para dar maior estabilidade ao bebê. Coloque um pesinho no fundo do cestinho para dar mais estabilidade.

Em caso de doença do fotógrafo ou de pessoa de seu convívio, a sessão deverá ser remarcada.

Procure realizar o ensaio entre 6 e 15 dias de vida do bebê, pois nesta fase os recém-nascidos são mais flexíveis, possuem o sono mais profundo e não sofrem com cólicas.

O bebê deve estar bem alimentado antes de se iniciar a sessão. Peça a mãe que o amamente minutos antes. Bebê bem alimentado é bebê feliz.

Os bebês possuem vários reflexos, que podem acordá-lo durante a sessão. Tenha sempre um assistente próximo e de olho no bebê, pois um movimento brusco, causado por estes reflexos, pode assustá-lo e causar quedas.

Estude a fisiologia e anatomia do bebê. Aprenda a posicioná-lo adequadamente. Treine antes com uma boneca. Faça em você mesmo o movimento, que pretende fazer com o bebê. Uma pose mal executada pode machucar o recém-nascido.

Muitas das poses são produto de fusão de imagens no Photoshop. Não tente reproduzir tudo o que você vê nas redes sociais. Pode ser perigoso para o recém-nascido.

Comece com as poses mais simples. Com o tempo e a experiência adquirida, através de muito estudo e prática, naturalmente você vai evoluir para as poses mais complexas.


 

Poses Básicas na fotografia newborn
Posso dizer que 70 % do ensaio newborn acontece no puff. O acessório é adequado e seguro para o bebê. Com uma troca de mantas e alguns acessórios, você consegue uma gama de imagens do bebê, sem ter que movimentá-lo muito.

Para quem está começando, o ideal é aprender estas quatro poses básicas, e treinar muito. Algumas mantinhas, toquinhas, wraps e headbands serão suficientes para um bom resultado e imagens bem diferentes.

Bum Bum (Bum Up)
Nesta posição é importante cruzar as perninhas do bebê contra sua barriga, e em seguida posicioná-lo no puff, de barriga para baixo. Uma das mãozinhas é colocada sob seu rosto. Esta mão servirá de suporte para sua cabecinha. Mantenha os dedinhos abertos. Tenha cuidado com o outro bracinho, que deve ficar ao lado do bebê (e não em baixo).

Toalhinhas ou mantinhas devem ser colocadas sob a manta, para servirem de suporte para a cabeça.

Gentilmente traga o bum bum para frente, de forma que os cotovelos se unam aos joelhos.

Atente para o bracinho direito e para sua correta posição.

Fotografe sob diversos ângulos e obtenha uma variedade de imagens.

 

Pose Lateral (Side Pose)
Partindo da pose do bum bum para a pose lateral, pouco se mexe no bebê. Isso garante seu conforto e uma transição suave. Cuide para o correto movimento do bracinho que está à direita (na foto acima). Traga para o mesmo lado que o outro. Gire o bebê lateralmente (em diagonal). Você pode usar wraps para uma variação de imagens.

Você pode manter as duas mãozinhas unidas sob o rosto, palma contra palma, ou fazer como na imagem abaixo (pose sonequinha).




Queixo
Nesta pose, as mãozinhas são colocadas uma sobre a outra, para dar sustentação à cabeça do bebê. Os cotovelos devem ser suportados por toalhas ou rolinhos colocados abaixo das mantas do puff.


Barriguinha para cima
Para esta pose, afunde bem o puff no centro. Posicione o bebê de barriguinha para cima e cruze suas perninhas. Nunca deixe o sexo à mostra. Preencha com toalhas sob as mantas, de formar a moldar e manter o bebê na posição. Esta pose pode ser reproduzida em cestinhos, como na foto ao lado.

 

Depois de aprender estas quatro posições básicas e praticar muito, você pode reproduzir as mesmas posições em caminhas, cestinhos e outros props.

Você pode fotografar com os pais e irmãos, o que agrega muito valor ao seu ensaio.

Fotografe também detalhes dos bebês, como cílios, lábios, mãos, pés.

Registre expressões: sorrisos, bocejos, biquinhos, …

Há muita coisa para fala sobre técnicas, iluminação, poses, equipamentos e pós-produção. Este artigo traz apenas informações básicas, para quem tem interesse na fotografia newborn e deseja aprimorar seus conhecimentos.

Nunca deixe de buscar conhecimento e praticar muito.
Via Fotografia-DG

Outras Notícias
© 2016 Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Ydeal Tecnologia